Que o Brasil é rival da Argentina no futebol todo mundo sabe, mas essa rivalidade pára por aí pois o país dos hermanos é um dos locais mais procurados por brasileiros que desejam sair do país.

Com a desvalorização da moeda argentina, viajar para Buenos Aires ficou ainda mais fácil. Atualmente é possível encontrar hotéis três estrelas por cerca de U$$ 9,00 a diária, cerca de R$ 18,00 por dia para desfrutar de muita diversão e paisagens bonitas.

Uma boa opção é o Esplendor Palermo Hollywood que se destaca por sua exclusividade nos serviços prestados aos brasileiros. Ao som de um autêntico tango, é possível fazer um jantar romântico ou, para os que preferem a agitação, o local conta também com uma pista de dança.

Dependendo da localização é possível passear em Bariloche, a terra da neve, e assim conhecer um pouco mais sobre a Argentina e nossos vizinhos.

Por Vivian Fiorio


Santo Hostel é um albergue, ou hostel como se diz fora do Brasil, mais tranqüilo do que a maioria. Esta hospedaria de dois andares se restringe a realizar festas temáticas previamente agendadas e aulas de tango, então quem não curte muito barulho estará no lugar certo. Normalmente seus hóspedes são estudantes e mochileiros.

Os preços por noite variam de 10 a 40 dólares, dependendo do tipo de quarto escolhido, comunitários, individuais com ou sem banheiro particular. O café-da-manhã está incluso no preço, é simples, mas tradicional, mezza-lunas (croissant) e uma bebida quente.

O uso da internet é gratuito, também se disponibiliza uma cozinha para quem quiser preparar suas refeições.

Muito bem localizado, a alguns passos da Av, Nove de Julho e Av. De Mayo, as principais avenidas de Buenos Aires e do centro cultural da cidade, na Av. Corrientes.

Serviço:

Santo Hostel

Salta, 170 – Buenos Aires – Argentina

Por Monica Dinah


A rede Room Mate Hotels faz sucesso na Espanha com uma proposta interessante: tira-se o luxo, mas sem perder o charme. Conhecidos como cheap-and-chicc, este tipo de hotel costuma cobrar diárias bastante acessíveis, zelar por uma decoração de muito bom gosto e por um serviço honesto – o que significa abrir mão de certos extras, como um concièrge, por exemplo.

A rede finalmente chegou à América do Sul, justamente na cidade que vários brasileiros amam curtir: Buenos Aires. Lá, o Room Mate Carlos foi recentemente inaugurado na Recoleta. O hotel tem suítes muito charmosas, cada uma decorada de um jeito. As diárias são de US$85 a US$215, o casal.

Veja mais em: http://www.room-matehotels.com (em Espanhol).

Por Danielle Batista


O turismo internacional ainda está entre os mais procurados devido à baixa do dólar e ao câmbio estável. Principalmente para países mais próximos.

A Argentina, por exemplo, ganha lugar de destaque entre os países mais visitados da América latina. Dentre vários atrativos tradicionais do país como tango e vinhos, destaca-se também a culinária e os pontos turísticos.

O país vizinho tem suas tradições e costumes que principalmente pela rivalidade no esporte agrada muito aos brasileiros tornando a Argentina um país mais interessante a visita de qualquer estrangeiro. Também traz sua hospitalidade como atrativo e suas noites “calientes” pela dança e vinhos típicos do país. Vale a pena a visita!


Devido a um inverno menos rigoroso e ao surto da gripe suína, as Estações de Esqui na Argentina estão praticamente vazias. Mesmo um lugar muito visitado e famoso como Bariloche, não escapou deste infeliz fenômeno e tem uma das mais baixas taxas de visitas dos últimos anos.

O resultado disso está nos preços de pacotes turísticos que caíram mais de 50%, o que torna atrativo o preço para os turistas destemidos – visto que o Brasil supera a Argentina em casos de gripe suína, o Brasil está mais perigoso que a Argentina nesse aspecto – que querem ter uma boa oportunidade de passar, por exemplo, quatro dias em hotel, mais passagem de ida e volta, por menos de 1000 R$ (mil reais).


A Patagônia fica localizada no extremo sul do Continente Americano, nas regiões do sul do Chile e da Argentina.

Conhecida como a “Tierra del Fuego“, mas calor é o que você dificilmente vai encontrar por lá. Esta região é marcada pelos seus ventos fortes, suas belíssimas geleiras, leões-marinhos e pela grande concentração de pinguins.

Aventura e belas paisagens é o que não falta, o turista pode praticar esportes no gelo, curtir a belaza das geleiras, apreciar a fauna local, se encantar com as Baleias, visitar os Parques Nacionais e as Estâncias.

Não existe melhor época do ano para visitar a Patagônia, lá pode nevar no verão e fazer sol no inverno. A surpresa faz parte da viagem!

Mais informações sobre a Patagônia no site www.patagonia.com.br.

Clique aqui e veja aonde se hospedar na Patagônia.

Aprecie as belíssimas paisagens da Patagônia:


Sem dúvida Bariloche é um dos destinos mais luxuosos e divertidos para curtir as férias de inverno. Esta cidade argentina possui infinitas atrações como estações de esqui, passeios de teleféricos nas montanhas, patinação nos rinques de Neviska, além da deliciosa gastronomia local.

Quem deseja se hospedar em Hotéis bons e baratos aí vão algumas sugestões:

Hotel San Remo – Av. San Martín, 457 – diárias a partir de US$ 120.

Llao Llao Hotel Golf  Spa – Av, Ezequiel Bustillo, km 25 (8409) – diárias a partir de US$ 276.

Hotel Tres Reyes – Av. 12 de octubre, 135 (8400) – diárias a partir de US$ 58

Nahuel Huapi – Moreno, 252 R8400 – diárias a partir de US$ 80

Village Catedral Mountain – Catedral Base NRB 1 – diárias a partir de US$ 250

Guest Patagonia – Felix Goye y Beveraggi 8401 – diárias a partir de US$ 64

Gutierrez Lake Golf Hotel – Ruta 82 Km 16, Aurela AfQUEN (8400) – diárias a partir de US$86


Vai para Buenos Aires e não sabe onde se hospedar? Existem diversos tipos de Hotéis com as mais variadas faixas de preços. As tarifas dos Hotéis em Buenos Aires são acessíveis a todos os bolsos.

Seja para turismo ou negócios, a dica é resevar hotéis próximos do bairro de Puerto Madero, este charmoso bairro fica localizado próximo às pincipais atrações turísticas de Buenos Aires, sendo possível conhecer a região à pé e visitar shoppings centes e a área comercial.

Dicas de Hotéis:

Hotel Claridge – Hotel 5 estrelas, localizado bem no centro comercial de Buenos Aires, ideal para quem viaja a negócios. 

Hotel 562 Noagro – Edifício de 1930, no melhor estilo Europeu, esbanja charme, requinte e muito conforto. Altamente modernizado, está localizado no centro histórico de Buenos Aires. 

Republica Wellness & Spa – localizado em frente ao Obelisco, um dos principais pontos turísticos da cidade.

Melia Buenos Aires Hotel – Situado em Puerto Madeo, a 7 km do Aeroporto, possui uma localização privilegiada, excelente infra-estrutura e muito conforto. 

Grand King Hotel – Localizado entre as duas mais famosas ruas da cidade, Florida de Buenos Aires e Lavalle, próximo aso prinicipais pontos turísticos, gastronômicos, culturais e empresariais de Buenos Aires. 


barilochegdLocalizado no Nahuel Huapi, o maior e mais antigo parque da América do Sul, San Carlos de Bariloche atrai muitos turistas atrás de suas montanhas cobertas de gelo, lagos de água cristalina, esportes radicais e uma excelente gastronomia.

Para quem gosta de esquiar, as melhores épocas é entre junho e setembro. E não é só o esqui a única atração, Bariloche possui passeios de barco, praia de lago, vinhos saborosos,  famosos chocolates, fondue e claro, um visual deslumbrante

Esportes na neve são a grande atração, Cerro Catedral é considerado um dos melhores centros de esqui do Hemisfério Sul, com seus modernos meios de elevação, excelentes pistas e um teleférico que funciona o ano inteiro, para quem gosta de apreciar a paisagem do alto das montanhas.

Programas é o que não faltam, são execlentes hotéis, lojas, restaurantes, chocolaterias, cafeterias, bares e boates para curtir a night.

Confira algumas dicas de Hotéis em Bariloche:


Considerada a Paris da América Latina, Buenos Aires é uma cidade charmosa. O tango, a gastronomia, os belos prédios e monumentos históricos fazem com que a capital argentina seja totalmente voltada ao turismo, além de ser centro político, econômico e cultural da região.

Atrativos turísticos é que não faltam nesta belíssima capital, são museus, monumentos, igrejas, galerias de arte, teatros, praçcas, parques, jardins, centros comerciais, feiras, sem falar de sua deliciosa gastronomia, seus bares e casas noturnas e do encanto do tango.

O vídeo abaixo mostra um pouco mais desta belíssima cidade dos portenhos:


vinicola

Mendoza, localizada no oeste da Argentina, foi eleita pela risvista “Wine Enhusiast“, umas das revistas mais conceituadas na área de vinho e gastronomia, o título de “Região vinícola do ano“.

Mendoza é a principal região produtora de vinho da Argentina, cerca de 80% do vinho Argentino é produzido na região.

O sucesso de seus vinhos é o clima da Região, seu solo pedregoso e sua altitude que são ideais para o plantio da uva.

Anualmente, as vinícolas de Mendonza recebem cerca de 1 milhão de turistas, que se encantam com as adegas e as vinícolas da região.

As adegas estão investindo cada vez mais nos turistas, desde 2001 montaram uma infra-estrutura ideal para recer visitantes, que são recebidos por um guia que apresenta a colheita, a seleção, a retirada do suco a fementação o envelhecimento e o engarrafamento. Ao final uma deliciosa degustação de vinhos, que aguça todos os sentidos.

Pode-se conferir também a história dos vinhedos da região, dos transportes de várias épocas, além disso, o turista pode andar de bicicleta pelos vinhedos. Maravilhoso!

O turista pode almoçar nas bodegas e levar para casa garrafas de vinho, que cusam menos do que a metado do preço do que são vendidos aqui no Brasil.

Para mais informações acesse www.familiazuccardi.comwww.catenawines.com.


O norte da Argentina é apenas a quarta região mais procurada neste país, porém, é um ótimo roteiro para se conhecer.

Vales, desfiladeiros e canyons são apenas algumas das atrações desse local. Muitos são os vestígios das civilizações pré-colombianas.

Não é uma região muito rica, mas o povo conserva hábitos e tradições de seus antepassados. Em Salta, as igrejas conservam o espírito colonial da época de sua fundação, em 1582.

Quanto a culinária, é tradicional a degustação das empanadas salteñas.





CONTINUE NAVEGANDO: